Resultados de futebol ao vivo oferecidos por Futebol.com

Ads Top

Zidane manda recado: “A cada três dias será uma final”

Técnico vê os jogos de abril como decisivos para a temporada.
(Foto: Sonia Canada/Getty Images)

Após o encontro entre Real Madrid e Alavés no Santiago Bernabéu, onde o clube merengue venceu pelo placar de 3 a 0, o técnico Zinedine Zidane conversou com a imprensa local sobre a partida, a renovação de Isco, Benzema e sobre a terrível sequência no mês de abril.

Avaliação da partida:
“Jogamos contra uma equipe que joga muito bem, que perdeu muito pouco. Te põe em dificuldades. Na primeira parte fomos superiores, criamos ocasiões e marcamos. Na segunda, um pouco pior, sobretudo na posse de bola. Perdemos as bolas muito facilmente. Mas dentro dos 90 minutos, normal. Conseguimos marcar três gols, talvez seja mais forte para eles. No mais, manter a meta limpa é muito positivo”.

Lesão de Varane:
“São coisas que passam e tem que se adaptar e fizemos muito bem. A dificuldade é que um do banco tenha que estar pronto para entrar como Carvajal e fez isso muito bem. Como Danilo na esquerda. Contente por uma partida que tivemos dificuldades. A segunda parte foi complicada. O rival está fazendo muito bem. Sofremos um pouco, mas conseguimos os três pontos. Estamos contentes com o resultado”.

A lesão de Varane seria uma recaída? Coentrão voltará a jogar pelo Madrid?
“Varane se machucou no mesmo lugar. Não é tão forte como estava a três semanas e esperamos que seja pouco. Avaliaremos amanhã com uma ressonância. E o Coentrão, o que posso decidir é que é um jogador do Madrid, com ele que vou contar”.

Benzema:
“Sempre desbloqueia situações marcando ou dando passes decisivos. Sempre está em ação, gera ocasiões. Está muito bem, está pronto e estou muito contente por ele e que nesta reta final de temporada possa contar com jogadores que são importantes e façam isso bem. É certo que teremos muitos jogos e somos muitos. Portanto, devemos considerar cada minuto dos jogadores. É uma foram de resistência, tem de sofrer. Não vamos ganhar partidas fáceis. Cada três dias é uma final. Tem que ser consistente e seguir com está dinâmica que é importante”.

Mês de abril difícil:
“Vamos seguindo. Não tem mais remédio. Não podemos nem pensar, nem decidir, teremos que estar muito forte. Cada três dias vai ser muito complicado como contra o Leganés. Leva tempo jogando bem. Sabemos que em Leganés será difícil. Não podemos especular. Teremos que tentar somar na quarta-feira”.

O que pode pesar nos jogadores e o que esperar de abril?
“São circunstâncias da partida de hoje. Sabemos que temos que melhorar. O problema é que jogando a cada três dias, nem sempre podemos jogar perfeitamente. Temos que pensar que a cada três dias neste mês vai ser pior. A constância que nós levaremos a fazer coisas boas. Vamos tentar corrigir coisas da segunda parte. A primeira parte foi espetacular”.

Qual a capacidade do Madrid?
“É o segundo gol. Estávamos em dificuldades, não estávamos em um bom momento. E de repente você dar a bola a Cristiano, se dá a Isco, controla bem, chuta e marcamos. Sabemos que teremos isto e em qualquer momento podemos fazer gol no rival. Isso é o que está na equipe”.

Quer que Isco renove?
“Claro, porque é um jogador do Madrid e importante. Ele só quer estar aqui e jogar aqui. Contente por sua partida. Jogou entre as linhas, ele fez os outros jogarem, fez uma partida completa”.

Chegou a jogar com dois atacantes e no 4-4-2, o que buscava?
“Mais equilíbrio”.

Juanito:
“Me parece uma coisa muito importante. Pelo jogador e pela pessoa que era. Tem os valores deste clube. Nunca baixava os braços, sempre lutando. Não vi jogar, mas vi imagens. Fez grandes coisas neste clube e a homenagem que compartilhamos. Sempre pensamos nele. E o público sempre lembra dele. Sempre”.
Zidane manda recado: “A cada três dias será uma final” Zidane manda recado: “A cada três dias será uma final” Publicadas por Vinicius Costa em abril 02, 2017 Mais 5