Resultados de futebol ao vivo oferecidos por Futebol.com

Ads Top

Bale sobre a sua volta: “Tive que tomar muitos remédios para poder jogar”

Bale lamenta não ter optado por se recuperar por mais tempo.
(Foto: Reprodução/Power Sport Images/Getty Images)

Ainda com desconfianças após as lesões que o atrapalharam em ter uma grande sequência no Real Madrid, Gareth Bale revelou em entrevista ao diário El País, que teve que se medicar para aguentar as dores e poder jogar a temporada passada, após sua cirurgia no tornozelo direito e insistiu em dizer que teria que ter tomado mais tempo para se recuperar totalmente.

“Por um lado, é fácil agora, dizer que deveria ter descansado mais. Mas quando você está lesionado durante três meses e vê teus companheiros jogando, realmente quer voltar e foi isso que eu fiz. Tive que tomar muitos remédios para poder jogar” argumentou Bale na sua volta, na final da Champions League, em Cardiff.

O galês também lamentou em não optar por ter escolhido ficar mais tempo se recuperando. “E sim, agora penso que deveria ter tido mais tempo para me recuperar e assim poder voltar jogando muito melhor e ser capaz de fazer todas essas coisas que com essa dor no tornozelo, não era capaz de fazer. E sim, eu voltaria atrás para ter mais tempo para me recuperar melhor”.

Bale não se limitou ao dizer só sobre sua lesão que o afastou por três meses na última temporada. O atacante também fez um balanço dos seus quatros anos no Real Madrid. “Espero que o melhor esteja por vir. Sei que houve grandes momentos e outros nem tanto”.

Confira outros trechos da entrevista:

Como é Zidane:
“É muito calmo. Gosta de disfrutar do futebol. É igual com as câmeras na frente. Quando atacamos, quer que nos expressamos como nós mesmos. Mas quando defendemos, quer que todos sejam um só. Quer que defendemos juntos, como um só jogador e ajudando uns aos outros”.

Maior virtude:
“Não sei. Creio que enquanto eu estiver saudável, minha família e amigos também estiverem felizes, não posso pedir mais nada”.

Pior defeito:
“Sou bastante preguiçoso. Provavelmente seja a melhor resposta”.

Motivos que lhe dão felicidade:
“Me faz feliz estar saudável. Não ter lesões e jogar”.
Bale sobre a sua volta: “Tive que tomar muitos remédios para poder jogar” Bale sobre a sua volta: “Tive que tomar muitos remédios para poder jogar” Publicadas por Vinicius Costa em setembro 11, 2017 Mais 5