Resultados de futebol ao vivo oferecidos por Futebol.com

Ads Top

Após admitir delito fiscal, Marcelo terá que pagar cerca de 500 mil euros à Fazenda espanhola

Foto: Getty Images Sport/fotopress
Recentemente, o brasileiro Marcelo foi acusado pelo Ministério Público da Espanha por problemas na regularização nos rendimentos de seus direitos de imagem dos exercício de 2011, 2012 e 2013. De acordo com a denúncia, o camisa 12 do Real Madrid criou uma estrutura societária para ocultar sua rendas nesses citados anos. Esta acusação, segundo fontes jurídicas, foi reconhecida pelo lateral nesta terça-feira (28) em uma conversa de 10 minutos com o juiz. 

Sendo assim, o aleta madridista terá que pagar 490 mil euros (R$ 1,83 milhão) para a Fazenda espanhola. No momento, a Advocacia do Estado, o setor fiscal e os defensores de Marcelo criarão uma carta de conformidade para ser apresentada ao juiz no dia do julgamento. 

Em 2006, o ex-Fluminense cedeu seus direitos de imagem para a Construtora Heltry S.A., companhia uruguaia, pela quantia de 82 mil euros. Já no ano seguinte, a mesma repassou para os britânicos da Chatarella Investors Limited, que pagaram 802 mil euros para assumir tal função. 

A empresa britânica tinha contrato em vigor com o atleta até junho de 2012. No ano posterior, ambas empresas entraram em acordo e cederam os diretos para outra organização do Uruguai, a Birsen Trade S.A. Esta teve lucro de 1,1 milhão de euros, valor, aparentemente, derivado da exploração dos direitos de imagem de Marcelo. Essa quantia deveria ser constada na declaração de renda, com não houve a divulgação a Fazenda espanhola teve um prejuízo de 1,8 milhão de reais. 
Após admitir delito fiscal, Marcelo terá que pagar cerca de 500 mil euros à Fazenda espanhola Após admitir delito fiscal, Marcelo terá que pagar cerca de 500 mil euros à Fazenda espanhola Publicadas por João Victor Sanches em novembro 29, 2017 Mais 5