Resultados de futebol ao vivo oferecidos por Futebol.com

Ads Top

Asensio defende Cristiano: "Ele sempre volta e voltará aos números aos quais nos acostumou"

Asensio, durante a conferência de imprensa prévia ao duelo ante APOEL. (Reprodução/ José A. García/MARCA)
Marco Asensio compareceu, junto a Zidane, na conferência de imprensa prévia ao embate contra o APOEL, na Champions. O madridista quis se distanciar do "caso Morata" e reivindicou seu papel no Real Madrid garantindo que gosta de pressão e responsabilidade. Ademais, defendeu Cristiano Ronaldo das críticas que vem sofrendo pela seca de gols no Campeonato Espanhol. O Real Madrid enfrenta o APOEL nessa terça-feira (21) no Chipre, ás 17h45 (horário oficial de Brasília) com transmissão do Esporte Interativo.

Confira alguns trechos da entrevista:

Intenção do Real Madrid no Chipre
"Nós viemos aqui para ganhar a partida. Sabemos que as partidas de Champions são máxima exigência e viemos com a intenção de ganhar e fazer uma boa partida. Sabemos que com três pontos nos classificamos."

Mesma ilusão
"Como sempre disse, tento trabalhar e continuo com a mesma ilusão. Tento aproveitar os minutos que o treinador me dá, sejam cinco minutos, vinte ou como titular."

Seu caso, diferente do de Morata
"Eu acho que o caso de Morata é diferente, foi um retorno ao Real Madrid onde ele queria ser mais importante. Eu sou jovem, tenho 21 anos, ainda estou começando nisto. Tentarei seguindo trabalhando para ter esses minutos nas partidas mais importantes."

Responsabilidade e pressão
"Bom, o que dizem não é coisa minha - em resposta a declarações recentes de Isco e Ramos. Gosto de ter responsabilidades, me sinto muito confortável contribuindo coisas a equipe. Não tinha essa pressão, gosto de ter essa pressão para demonstrar tudo o que tenho em campo."

APOEL, rival complicado
"Sabemos que é um rival complicado, ainda mais em sua casa. Necessitam vencer para seguir na competição. Mas, nós viemos com a intenção de ganhar para estar nas oitavas de final, temos essa ilusão."

Confiança em Cristiano
"Lhe vejo muito bem, como sempre, com muita vontade. Na Liga parece que não está tendo sorte na cara do gol. Mas, Cristiano sempre volta e voltará aos números aos quais nos acostumou."

Objetivo
"Eu estou bem. Continuo com a mesma vontade de sempre. Meu início de temporada foi muito bom e espero continuar contribuindo com gols e com bom jogo que posso contribuir a equipe."

Asensio defende Cristiano: "Ele sempre volta e voltará aos números aos quais nos acostumou" Asensio defende Cristiano: "Ele sempre volta e voltará aos números aos quais nos acostumou" Publicadas por Ives Joabe em novembro 20, 2017 Mais 5