Resultados de futebol ao vivo oferecidos por Futebol.com

Ads Top

Sem zebra: Brasil despacha a Sérvia e avança para as oitavas em primeiro lugar

Brasil vence jogando bem e avança para as oitavas de final.
(Foto: Chris Brunskill/Fantasista/Getty Images)

O Brasil entrou em campo precisando de apenas um empate para se classificar para a próxima fase, mas nesta quarta-feira (27), no estádio de Spartak, em Moscou, a seleção não teve tanta dificuldade para bater a Sérvia pelo placar de 2 a 0: gols de Paulinho e Thiago Silva e se garantir na primeira colocação do grupo E. A Suíça ficou no empate com a Costa Rica e garantiu o segundo lugar.

Nas oitavas de final, o Brasil reencontrará um velho conhecido, porém enjoado: o México, que se classificou em segundo no grupo F. O jogo acontecerá na próxima segunda-feira (2), às 11h (horário de Brasília) na cidade de Samara.

Resumão da partida

Depois de apresentar algumas dificuldades nas partidas contra Suíça e Costa Rica, a seleção brasileira parecia mais tranquila em campo e destoava de um futebol mais bonito e envolvente. Foi assim nos primeiros minutos, marcando em cima, recuperando a bola na zona do meio-campo e saindo em velocidade pelos lados.

Apesar do bom início, a preocupação pairou entre os jogadores brasileiros e a comissão técnica. Aos 9 minutos, o lateral Marcelo sentiu fortes dores na coluna e pediu para ser substituído por Filipe Luís – nesta altura da competição, é o terceiro lesionado na Copa. Sem o lateral do Real Madrid, as jogadas pelo lado esquerdo pouco apareciam.

Marcelo saiu machucado nos primeiros minutos de jogo.
(Foto: REUTERS/Maxim Shemetov)

O Brasil demorou a chegar a assustar o gol da Sérvia, mas obteve sua primeira chance aos 24 minutos, quando Jesus tentou fazer jogada individual na área, se enrolou e a bola acabou sobrando para Neymar que bateu cruzado, de esquerda e Stojkovic espalmou. A outra boa oportunidade veio aos 28, quando pressionado, Neymar lançou Gabriel Jesus, o atacante saiu na cara do gol, driblou o defensor, mas perdeu tempo e na hora do chute, foi travado.

Passados os 30 minutos, a Suíça já tinha feito um gol e acabou pressionando ainda mais a seleção brasileira. Mas aos 35, Coutinho – o melhor da seleção na Copa – achou um lindo passe em profundidade para Paulinho entre os zagueiros, que teve o trabalho para tocar por cima do goleiro e sair para o abraço: 1 a 0 e uma tranquilidade maior. Após o gol, nem Brasil, nem Sérvia não criaram nenhuma chance.

Na volta do intervalo, a Sérvia procurou avançar suas linhas, bloquear a saída de bola do Brasil e frequentar mais o campo ofensivo, empurrando em determinados momentos a seleção para seu próprio campo. Brasil e Sérvia começaram a trocar lances perigosos, mas sem causar grandes sustos.

Aos 60, Ljajic fez jogada pelo lado direito e cruzou, Alisson rebate mal o cruzamento e mandou na cabeça de Mitrovic. Com o goleiro batido, ele finaliza, mas carimba a bola em Thiago Silva e a bola acaba ficando com Alisson. Os minutos passavam e a Sérvia pressionava cada vez mais, e se aproximou do gol de Alisson após chute de Milinkovic-Savic. Aos 64, Rukavina faz cruzamento do lado direito e acha Mitrovic sendo marcado por Fagner. Mais alto e com mais força física, o atacante ganha e cabeceia firme, mas no meio do gol, onde estava Alisson para fazer a defesa.

Mas aos 67, a resposta final do Brasil veio na bola aérea, jogada forte do time sérvio. Neymar em cobrança de escanteio, bate na primeira trave, no bico da pequena área e Thiago Silva, livre de marcação, escora para as redes e ampliou o marcador: 2 a 0. O gol que daria tranquilidade e a primeira colocação do grupo E.

Thiago Silva subiu bonito para cabecear e estufar as redes.
(Foto: Reuters)

Neymar, que teve sua melhor atuação na fase de grupos, assim como a maioria dos atletas brasileiros, teve duas boas oportunidades para fazer seu gol ao ficar cara a cara com o goleiro, mas todas as finalizações foram defendidas por Stojkovic. 
 

Ficha Técnica:
Brasil 2x0 Sérvia
Data: 27 de junho de 2018, quarta-feira
Local: Estádio de Spartak, Moscou (RUS)
Gols: Paulinho 35’, Thiago Silva 67’

Brasil: Alisson; Fagner, Thiago Silva, Miranda e Marcelo (Filipe Luís); Casemiro, Paulinho (Fernandinho), Phillippe Coutinho (Renato Augusto), Willian e Neymar; Gabriel Jesus; Técnico: Tite

Sérvia: Stojkovic; Rukavina, Milenkovic, Veljkovic e Kolarov; Matic, Milinkovic-Savic, Tadic, Ljajic (Zivkovic), Kostic (Radonjic); Mitrovic (Jovic); Técnico: Mladen Krstajic
Sem zebra: Brasil despacha a Sérvia e avança para as oitavas em primeiro lugar Sem zebra: Brasil despacha a Sérvia e avança para as oitavas em primeiro lugar Publicadas por Vinicius Costa em junho 27, 2018 Mais 5