Resultados de futebol ao vivo oferecidos por Futebol.com

Ads Top

Robinho: "Parecia ser difícil escolher entre Real Madrid e Barcelona, mas não foi"

Atacante brasileiro relembrou etapa no clube merengue e afirmou que foi fácil optar pelos madridistas

Futebolista foi revelado pelo Santos e chegou ao Madrid em 2005.
Foto: Getty Images Sport/Denis Doyle
Robinho, atual jogador do Sivasspor da Turquia, concedeu entrevista à FourFourTwo onde falou de sua fase pelo Real Madrid entre 2005 e 2008. Destaque do Santos em anos anteriores, o jogador esteve também na mira do Barcelona, porém optou pelo time do Santiago Bernabéu"Parecia ser difícil essa escolha (Real ou Barça), mas não foi. O Madrid foi o clube que mais demonstrou interesse em mim. Ambos são clubes grandes e que atraem torcedores do mundo todo, mas quando o Madrid veio a mim, vi que tinham muitos brasileiros no elenco e o técnico era Valderlei Luxemburgo. Por qual motivo eu iria para o Barcelona?", argumentou. 

Ao todo, marcou 35 gols com a camisa blanca, conquistou duas La Ligas e uma Supercopa da Espanha. No entanto, apesar dos bons números, sua passagem pela equipe merengue é lembrada como algo ruim, muito devido ao modo em que saiu do clube. Sobre isso, o atleta disse: "Não me arrependo de ter saído. Mas lamento ter ficado 'de mal' com eles (Real Madrid) quando saí. Foi o clube que abriu as portas para mim e que deu a oportunidade de conquistar a Europa. Talvez a forma como saí tenha apagado os bons momentos com a equipe. Ajudei-os a conquistar títulos e acho que joguei bem. Mas eu estava decidido a sair e tenho um temperamento explosivo".

A seguir as demais declarações de Robinho.

Por que foi para o Manchester Ciy e não para o Chelsea?
"Meu objetivo era ir para o Chelsea. Felipão disse que eu faria a diferença na equipe dele. Mas o Real Madrid não estava com boas relações com eles. Não gostou do Chelsea vender camisas com meu nome antes do acordo ser finalizado. Tenho certeza que foi isso que fez a negociação parar, foi um orgulho do Real Madrid. Além disso, o Chelsea jogava a Champions e o City não."

Fabio Capello
"Quando ele chegou, por alguma razão, talvez pela minha idade, me colocou no banco de reservas. Não pude contestar, mas ele era o treinador e a decisão era sua. Mas não estava feliz em ficar no banco e atuar fora da minha posição."

Estreia pelo Real Madrid
"Foi genial. Estava ansioso para jogar com Ronaldo, Zidane e Raúl. Lembro como planejei a partida ainda quando estava no avião. Foi perfeito. Quando recebi o primeiro passe, dei um chapéu no jogador do Cádiz e logo comecei a me soltar. Foi uma estreia genial, havia chegado no dia anterior, mas eu era um garoto disposto a jogar."

Vestiário do Real Madrid
"Era um sonho que se tornou realidade. Não acreditei na primeira vez que entrei. Eu era muito jovem, mas eles me trataram da melhor maneira possível. Eu era um garoto e eles olharam para mim."

David Beckham
"Ele sempre estava com os brasileiros. Fazia parte do nosso grupo. Os espanhóis ficavam com um pouco de inveja, pois ele falava mais português do que espanhol, assim ficava mais tempo conosco. É uma pessoa incrível, é o jogador que mais tem os pés no chão (dos que eu conheci). É incrível."
Robinho: "Parecia ser difícil escolher entre Real Madrid e Barcelona, mas não foi" Robinho: "Parecia ser difícil escolher entre Real Madrid e Barcelona, mas não foi" Publicadas por João Victor Sanches em setembro 11, 2018 Mais 5